SEPE-Campos abre vaga para advogado


divulgação
Ana Marina Lacerda, Diretora Jurídica do SEPE-Campos

O Sindicato Estadual dos Profissionais em Educação (SEPE) de Campos realiza seleção pública para provimento de uma vaga de advogado para atuar no departamento jurídico da entidade. O período de inscrição começou na segunda-feira, dia 25 de janeiro e prossegue até o dia 05 de fevereiro.

os interessados deverão obter a ficha de inscrição através do site www.sepe-rj.org.br e postar os documentos necessários para o endereço do SEPE-RJ constante no edital. Para se candidatar, é necessário ter registro na OAB e experiência de um ano.

O processo seletivo será composto de quatro etapas: prova objetiva, prova discursiva, análise de currículo e entrevista. As duas primeiras etapas serão relizadas no dia 06 de março na cidade do Rio de Janeiro. O salário inicial será de R$4.093,14.

De acordo com a Diretora Jurídica do SEPE-Campos, Ana Marina Lacerda, a vaga irá suprir uma demanda existente no departamento jurídico do sindicato. Segundo ela, o candidato selecionado terá a função de defender os direitos trabalhistas da categoria e também prestar atendimento aos sindicalizados.

"Sempre defendemos os direitos da categoria por meio de manifestações e mobilizações. Oadvogado dará o suporte na defesa desses direitos no âmbito jurídico, além de dar continuidade aos processos em andamento", disse Ana Marina, ressaltando que a seleção pública foi uma forma democrática encontrada pela diretoria para o preenchimento da vaga.

Ela destacou, ainda, que além da vaga ofertada para Campos, haverá formação de cadastro de reserva para atuação em outras regiões de acordo com a necessidade do sindicato. Os candidatos que tiverem dúvidas no processo de inscrição poderão procurar o SEPE-Campos, localizado no Edíficio Ninho das Águias - Sala 701 - Centro.

ATAFONA1ª CAMINHADA FOTOGRÁFICA DO NORTE FLUMINENSE !!!!


Fotos: Fabiano Seixas

O blog recebeu por e-mail do brilhante fotográfo, professor e estudante de Desing Gráfico do IFF, Diomarcelo Pessanha, a mensagem abaixo:


"Vai rolar em ATAFONA1ª CAMINHADA FOTOGRÁFICA DO NORTE FLUMINENSE !!!!
Organizado
pela Cred Rio Norte e Prefeitura de São João da Barra.
Vamos juntos trocar experiências fotográficas!!!
Haverá um mini curso para fotógrafos amadores com Diomarcelo Pessanha, sorteio de câmera fotográfica e 150 ampliações fotográficas.
Os participantes irão fazer parte de uma exposição fotográfica coletiva, das fotos geradas durante a caminhada.
Dia 30 de Janeiro as 9h00
Local de encontro e saída da caminhada: Na Praça Nossa Senhora da Penha em Atafona/SJB
inscrições no dia da caminhada no local de saída

Lembrando Henry Cartier Bresson, fotografar é alinhar cabeça, olho e coração!!!
Aguardo você e sua câmera por lá!!!!"




Estarei lá com minha DSC H-50! :P

Ex-presidente da FEC é condenado mais uma vez

Em audiência realizada no 1º Juizado Especial Criminal, o ex-presidente da FEC, Marciano da Hora Ribeiro, obteve nova condenação proferida pelo juiz Dr. Ronaldo Assed Machado. A ação criminal foi consequência de outro processo, movido pelo Ministério Público, que condenou a antiga diretoria da FEC no caso que ficou conhecido como golpe das carteirinhas.

A nova condenação se deu por Marciano ter ameaçado em 2007 - minutos antes da audiência do golpe das carteirinhas, no corredor do Fórum - as testemunhas que iriam depor à pedido do Ministério Público. Na ocasião, Marciano ameaçou os estudantes André Lacerda, Guilherme Pacheco e Jeferson Belmiro, dizendo que a justiça seria feita do lado de fora do Fórum.

Na sentença, ficou determinado que o réu, Marciano da Hora Ribeiro, não poderá frequentar, pelo período de dois anos, locais que possam propiciar o cometimento de atos ilícitos, tais como bares, casas de prática de jogos de azar, ou de uso de bebidas alcoólicas. O réu também não poderá se ausentar da cidade de Campos sem autorização judicial, devendo comparecer mensalmente no Fórum para assinar ficha de comparecimento.

Marciano também deverá prestar serviço à comunidade por dois meses, uma vez por semana, durante cinco horas semanais. A prestação de serviços será realizada em uma instituição à ser definida. Além disso, ele não poderá praticar atitude delituosa ou faltar ao cumprimento de qualquer das obrigações determinadas na sentença, sob pena de ser retomada a ação penal.

Estudo mostra perfil da juventude brasileira


Segundo dados do IPEA, desemprego entre jovens é três vezes maior do que entre adultos

O Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) divulgou em Brasília a pesquisa "Juventude e Políticas Sociais no Brasil", com uma profunda análise sobre as políticas públicas de juventude no Brasil. A pesquisa faz uma radiografia da juventude e propõe soluções voltadas para esse segmento em diversas áreas.

Segundo o estudo, o Brasil tem uma população de 50 milhões de jovens (entre 15 e 29 anos), 26% do total de 190 milhões de brasileiros. A pesquisa mostra que 31% são pobres e que o desemprego entre os jovens chega a ser três vezes maior do que entre os adultos.

No quesito educação, apenas 48% dos jovens de 15 à 17 anos frequentam o ensino médio. Entre os jovens de 18 à 24 anos, somente 13% estão cursando o ensino superior. A pesquisa constatou também que a maior causa do abandono da escola entre os jovens homens é a necessidade de trabalhar e entre as mulheres é a gravidez precoce.

Já na questão da empregabilidade, o estudo detectou que o jovem encontra dificuldade para se inserir no mercado de trabalho. Segundo os dados, aqueles que conseguem uma vaga de emprego, na maioria da vezes, acabam ocupando postos de trabalho de pior qualidade, onde predominam os baixos salários e a informalidade. De acordo com os dados divulgados, 50% dos jovens de 18 à 24 anos trabalham sem carteira assinada e a taxa de desemprego é de 17%.

No campo da criminalidade, a pesquisa comprovou que a violência cotidiana cometida por jovens contra outros jovens, é gerada devido a fatores sociais como a disseminação da criminalidade e do porte de armas, a cultura à violência e as grandes desigualdades. Os homicídios lideram a causa da morte entre jovens, com 38%, seguido dos acidentes de trânsito, com 27%.

Para o diretor de políticas públicas da União da Juventude Socialista (UJS) de Campos, Marcos Vinicius Tavares, a violência entre os jovens está diretamente ligada a falta de emprego e a qualidade da educação. Para Marcos, faltam políticas públicas eficientes que dimunuam a taxa de inatividade entre os jovens.

"A pesquisa mostra que o índice de evasão escolar no Brasil continua alto. A maioria dos jovens paralizam os estudos em busca de uma vaga de emprego. Muitos não conseguem e acabam caindo na inatividade e buscando o mundo do crime", disse Marcos, defendendo que a educação deve ir além da sala de aula e buscar mecanismos que consigam atrair a juventude para a escola.

Ele acredita, também, que faltam projetos para dar a oportunidade do primeiro emprego ao jovem. Em Campos, segundo ele, a juventude aguarda a implantação de uma lei para incentivar a entrada do jovem no mercado de trabalho. O projeto apresentado pela UJS à Câmara Municipal no ano passado foi aprovado como indicação legislativa e agora está em fase de análise no poder executivo.

De acordo com o documento divulgado pelo IPEA, as políticas públicas para os jovens necessitam de um conceito mais coeso sobre o que é juventude. A pesquisa aponta uma desorganização na execução dessas políticas, mostrando que cada órgão busca tratar, isoladamente, das questões que consegue identificar.

Para mudar esse quadro, o estudo traçou nove desafios para pautar a política nacional de juventude. Entre eles estão: ampliar o acesso e a permanência à escola de qualidade, erradicar o analfabetismo entre jovens, preparar o jovem para o mercado de trabalho, democratizar o acesso ao esporte e à cultura, estimular a cidadania e a participação social.

Um pouco de Campos: Fachadas de Prédios I

Delegacia da Receita Federal

Edifício Renato Pontes Barreto com seu elevador panorâmico

Igreja de São Francisco de Assis

Loja Maçônica Fraternidade

Igreja de Nossa Senhora do Carmo

Fotos: Fabiano Seixas

O Paraíso é aqui: Show do Nando Reis no Balneário de Atafona


Belíssima imagem do Nando Reis durante o show de ontem realizado no Balneário de Atafona, em São João da Barra.

Foto: Fabiano Seixas

O Paraíso é aqui: São João da Barra - Show da Maria Rita

Petrobras: Novo concurso oferece 622 vagas de níveis médio e superior



A Petrobras divulgou edital de novo processo seletivo público. O concurso é destinado ao preenchimento de 622 vagas para 56 cargos de nível médio e superior.

As inscrições estarão abertas de 12 a 29 de janeiro de 2010 e poderão ser feitas através do site da Fundação Cesgranrio. Para nível médio, a taxa de inscrição é de R$ 27,00. Para nível superior, R$ 40,00.

Podem concorrer candidatos de nível técnico/médio para os cargos de inspetor de segurança interna júnior, técnico de administração e controle júnior, técnico de contabilidade júnior, técnico de estabilidade júnior, técnico de exploração de petróleo júnior (eletrônica, geodésia e geologia), técnico de informática júnior, técnico de inspeção de equipamentos e instalações júnior, técnico de logística de transporte júnior (controle e operação), técnico de manutenção júnior (elétrica, eletrônica, instrumentação e mecânica), técnico de operação júnior, técnico de projetos, construção e montagem júnior (edificações, elétrica, eletrônica, estruturas navais, instrumentação, máquinas navais e mecânica), técnico de segurança júnior, técnico de suprimento de bens e serviços júnior (administração, elétrica e mecânica), técnico de telecomunicações júnior e técnico químico de petróleo júnior.

Os candidatos de nível superior podem concorrer aos cargos de advogado júnior, analista ambiental júnior (biologia e oceanografia), analista de sistemas júnior (engenharia de software, infraestrutura e processos de negócio), auditor júnior, bibliotecário júnior, contador júnior, dentista júnior, enfermeiro do trabalho júnior, engenheiro civil júnior, engenheiro de equipamentos júnior (elétrica, eletrônica, inspeção, terminais e dutos), engenheiro de meio ambiente júnior, engenheiro de produção júnior, engenheiro de segurança júnior, engenheiro de telecomunicações júnior, engenheiro naval júnior, estatístico júnior, geólogo júnior, médico do trabalho júnior, nutricionista júnior, psicólogo júnior e químico de petróleo júnior.

As provas serão realizadas em 21 cidades do país. As datas das provas e das demais etapas do concurso podem ser consultadas no edital.

A remuneração mínima inicial varia de R$ 1.647,19 a R$ 5.685,07. Entre os benefícios, a Petrobras oferece previdência complementar (opcional), plano de saúde (médico, hospitalar, odontológico, psicológico e benefício farmácia) e benefícios educacionais para dependentes, entre outros.

Admissões

Os processos seletivos da Petrobras seguem a política de ingresso sistemático de novos empregados. Até 2013, a empresa deve admitir cerca de 9 mil pessoas, com objetivo de atender às demandas do Plano de Negócios 2009-2013, que prevê investimentos de US$ 174,4 bilhões nesse período.

Confira o edital do concurso.

Fonte: PETROBRAS

Flores do Jardim da Casa da Avós do Ernestinho





Amanhecendo no balneário de Grussaí

2010: contemplando a natureza e envolvendo-se menos em confusões!




Fotos: Fabiano Seixas