Andei lendo:

"Decididamente não fui feito para o que se chama entre nós de política. A palavra, a pena, as idéias são armas que de nada servem (…). O caráter, o escrúpulo, a independência, o patriotismo, tudo isso não vale nada, não tem curso entre os eleitores. (…) Triste e infeliz nação – onde a escravidão tem triunfos aos quais todo mundo se associa com alegria selvagem". (Joaquim Nabuco, líder abolicionista, 1881)

Nenhum comentário: