Festival Pop Rock no SESC Campos

Banda Voyager

A partir desta quarta-feira, dia 5 de maio, o SESC Campos apresenta o projeto Pop Rock, com apresentações de bandas locais sempre às quintas-feiras. A abertura ficará a cargo da performance teatral Explosão Popular, sob direção de Fernando Rossi na quarta às 20h. Antes porém o público poderá conferir o painel ilustrativo com a história deste estilo que contagiou gerações. Na quinta-feira é a vez da Banda Voyager prestar uma homenagem à banda U2 às 20h. Na sexta acontece uma mostra de cinema com o filme Bete Balanço, às 19h e uma edição especial da Noite do Vinil a partir das 22h no Relicário Bistrô.

Dia 05 de maio às 20hPerformance Teatral
Sinopse: Pop Rock (A Performance) – Trata-se de uma encenação que utiliza de elementos cênicos, para recriar o ambiente da musica pop no Brasil, na chamada terceira fase do Pop Rock: A era da explosão (Anos 80) com a participação dos atores: Alexandre Ferram e Priscylla Gomes e os músicos: Ivan Lee e Junior. Direção: Fernando Rossi.

Dia 06 de maio às 20hBanda Voyager - Tributo ao U2
Biografia: O U2 é uma banda Irlandesa formada em 1976. A banda só lançou seu primeiro disco em 1980 (Boy) e desde sua formação conta com os mesmos integrantes: Bono (Paul David Hewson) nos vocais; The Edge (David Howell Evans) na guitarra; Adam Clayton no baixo e Larry Mullen Junior na bateria. Sem dúvidas, estamos diante da banda preferida do mundo. A mais importante da década de 80, uma das mais importantes da década de 90, a mais importante dessa década e, no mínimo, uma das Top 5 de todos os tempos.

U2 segundo a Banda Voyager
Na estrada desde o ano de 2004, a banda VOYAGE é um magnífico mergulho aos grandes clássicos da musica internacional. Dentre os clássicos, destaque especial para banda U2, referencia pertinente de todo os músicos desta banda que além de cover’s de clássicos do cenário pop-rock intencional. A banda VOYAGE possui em seu vasto repertório de músicas de sua própria autoria. E válido destacar, o compromisso e a seriedade de seus músicos, todos profissionais, sem perder a ternura. A banda VOYAGE é sinônimo de boa música. BANDA VOYAGE é formada por - FLÁVIO REIS (VOCAIS) - HORÁCIO DUNCAN (GUIT/ VOCAL) - DEIVISON PERYLLE (GUIT/ VOCAL) - GABRIEL ARAÚJO (BAIXO) - MATHEUS NICOLAU (TECLADOS) - MARLLOS ASSIS (BATERIA)- DJ CAVN`BOY (PICK UP’ S).

PROGRAMAÇÃO


Dia 07 de maio às 19h Mostra de Cinema – Programadora Brasil Filme: Bete Balanço
Ano: 1984 Direção: Lael Rodrigues
Elenco: Débora Bloch, Lauro Corona, Diogo Vilela, Maria Zilda Bethlem, Cazuza e Hugo Carvana.
Sinopse: Jovem liberada resolve abandonar a cidade de Governador Valadares para tentar carreira artística no Rio de Janeiro. Na cidade maravilhosa, ela se decepciona com os empresários da música e com a violência urbana, mas também encontra apoio no namorado e nos novos amigos.

Dia 7 de maio às 22h Discotecagem em Vinil
Apresentação Lps que marcaram a geração anos 70, 80 e 90, nacional e internacional. Participação do Clube do Vinil. No Relicário Bistrô.


Dia 13 de maio às 20h

Banda Kamikaze – Tributo a Cazuza

Biografia: Cazuza é considerado hoje um dos maiores poetas do rock nacional. Rebelde e lírico, sempre foi uma mistura interessante. Nasceu no Rio de Janeiro no dia 4 de abril de 1958. Em 1981 formou grande Banda Barão vermelho ao lado do parceiro Roberto Frejat. Neste momento já começava a se delinear o letrista Cazuza. Além de ser um cantor instigante, com sua atitude rebelde, aparecia o poeta. Em 85 Cazuza decide seguir a carreira solo. Em novembro lança o álbum "Cazuza". É uma nova fase para Cazuza. Seus shows são mais elaborados e o público reconhece seu valor. Em 89 gravou o álbum duplo "Burguesia" que viria a ser seu último registro musical. Morreu no Rio de Janeiro, em 7 de julho de 1990, com 32 anos de idade.


Cazuza segundo a Banda Kamikaze


Com a idéia de resgatar toda sonoridade vivida nos anos 80, um grupo de amigos, resolveu mostrar um super projeto, que recebeu o nome de KAMIKAZE 80. Banda formada por Fernando Rossi (vocal) Bruno Sanguedo (guitarrista), Sergio Haddad (baterista), Ivan Noronha (tecladista), Gustavo Dias (baixista). Em comum, esse grupo de amigos, tem no sangue o respeito e a paixão por uma década que deixou saudades. Não e a toa que artistas como Renato Russo e Cazuza jamais serão esquecidos. Desde modo, a banda KAMIKAZE 80, trás em seu repertorio, de maneira eficiente, a magia dos grandes artistas dos anos 80, dentre eles, toda energia e irreverência do para sempre poeta, CAZUZA.

Dia 14 de maio às 19h

Mostra de Cinema – Programadora Brasil

Filme: Amor e Cia

Direção: Helvécio Ratton

Sinopse: Adaptação livre da obra de Eça de Queiroz.

Dia 14 de maio às 22h

Discotecagem em Vinil

Apresentação Lps que marcaram a geração anos 70, 80 e 90, nacional e internacional. Participação do Clube do Vinil. No Relicário Bistrô.

Dia 20 de maio às 20h

Banda Cântarus - Tributo Pop Rock Internacional anos 90

Histórico: Anos 90: década de fusões e experimentações

Esta década foi marcada por fusões de ritmos diferentes e do sucesso, em nível mundial, do rap e do reggae. Bandas como Red Hot Chili Peppers e Faith no More fundem o heavy metal e o funk, ganhando o gosto dos roqueiros e fazendo grande sucesso.

Surge o movimento grunge em Seattle, na Califórnia. R.E.M., Soundgarden, Pearl Jam e Alice In Chains também fazem sucesso no cenário grunge deste período. O rock britânico ganha novas bandas como, por exemplo, Oasis, Green Day e Supergrass.


Segundo a Banda CÂNTARUS


A banda CÂNTARUS surgiu no verão de 2004 na reunião de dois amigos Fabrício Chaves e Fábio Neves com uma proposta acústica em um duo de violões. Passado um tempo, sentiram a necessidade da inserção de um elemento rítmico, convidando assim, Munir Barreto para assumir a bateria da banda. A banda Cantarus, traz em seu repertório os sucessos musicais das bandas internacionais, em especial as bandas dos anos 90, como as bandas representantes do movimento grunge. Soundgarden, Pearl Jam, Nirvana e Red Hot Chilli Peper`s, além das performáticas, Tears For Fears, Seal, Oásis, Green Day e tantas outras de uma década dignamente pop-rock. Fazer um uma releitura do pop-rock internacional, em especial dos anos 90, exigi competência e profissionalismo. Isso, a banda Cantarus, tem de sobra, pois è composta por amantes da boa musica, por onde passam, conquistam fieis admiradores.

Dia 21 de maio às 19h


Mostra de Cinema – Programadora Brasil

Filme: Bicho de Sete Cabeças

Ano: 2000

Direção: Laís Bodanzky

Elenco: Rodrigo Santoro, Othon Bastos, Cássia Kiss, Jairo Mattos e Caco Ciocler.

Sinopse: A falta de entendimento entre pai e filho termina gerando atitudes radicais, que colocarão o filho num manicômio.

Dia 21 de maio às 22h


Discotecagem em Vinil

Apresentação Lps que marcaram a geração anos 70, 80 e 90, nacional e internacional. Participação do Clube do Vinil. No Relicário Bistrô.

Dia 27 de maio às 20h


Banda Instinto Coletivo - Tributo Pop Rock Nacional anos 90


Histórico: No Brasil, os anos 90 foram marcados pela onda californiana, em especial a uma onda chamada movimento Grunge que influenciou, e deu forcas a diversas bandas que ate então, pra variar, se mantinham nas garagens e guetos. Destaque para as bandas Planet Hemp, banda carioca, que conseguiu misturar a batida do rap com o rock, e uma pitada de muita malandragem. De Minas Gerais, nasceu o ska-rock-reggae, da banda Skank. De Recife surgiu o mangue beat, o casamento do frevo e o hardcore, seu principal caranguejo foi Chico Science, falecido em 1998, e a banda Nação Zumbi. Mistura, e o que não faltou nos anos 90, alias, foi o prato principal. Nos anos 90, ainda tivemos a marcante presença do skate-rock dos meninos do Charlie Brown Jr. E pra fechar, no começo de 1998, a banda Titãs, oitentista de natureza, presenteou a todos, sendo a primeira banda de rock, a fazer um acústico. E ficou ótimo, inesquecível. Eles ainda nos deram de presente, os cabra da peste, dos Raimundos, estes, fecharam a década, provando que Brasília faz rock, e do bom.


Tributo apresentado pela Banda Instinto Coletivo.


Neste espírito, a banda campista, INSTINTO COLETIVO, resolveu mostrar, que os anos 90, também merecem palmas. A propósito a banda “Instinto Coletivo”, è composta por representantes de diversas bandas de nossa cidade, dentre eles, encontramos elementos do hard-pop-rock, do rap-reggae-samba. “Instinto Coletivo” representa uma geração inteira que cresceu nos anos 90, e não se limitou a tocar nas garagens de nossa cidade, invadiram praças e jardins, mandando o seu recado, com originalidade e bom som. Como diria Chico Science, “... eu tenho certeza, eles também cantaram um dia”.


Dia 28 de maio às 19h

Pop Rock em debate

Com o produtor Musical Romualdo Braga e o escritor Márcio Aquino.

Dia 28 de maio às 22h


Discotecagem em Vinil

Apresentação Lps que marcaram a geração anos 70, 80 e 90, nacional e internacional. Participação do Clube do Vinil. No Relicário Bistrô.

Realização: SESC Rio de Janeiro

Parceria: Programadora Brasil – Cine Mais Cultura e Ministério da Cultura


Nenhum comentário: