E como ficará Campos em 2009?

Estão se aproximando as datas da população saber quais os nomes que se lançarão como candidatos ao posto de Chefe do Executivo e os novos membros do Legislativo Campista.
A escolha talvez seja entre o ruim e o pior.
Políticos envolvidos em crimes investigados pela Polícia Federal com mandatos de busca e apreensão de documentos e até pessoas, através das ações da Operação Telhado de Vidro em Campos e a Segurança S/A no Rio de Janeiro, mostraram de forma como que os concorrentes fazem uso do dinheiro público, trazendo a corrupção para o nosso cotidiano.
Praça de 46 milhões de reais, banheiro público de 30 mil reais, superfaturamento de shows, contratações irregulares, licitações mascaradas, propinotudo, caveirão, e muitas outras ações que nem vale a pena comentar.
O debate se arrastou e não apareceu nenhum novo nome, capaz de ser a via tão procurada para direcionar os rumos da nossa Campos.
Figurinhas repetidas novamente, o álbum parece completo, briga-se no presente, para no futuro se associar, fazendo valer a lei da oferta e da procura de cargos.
Enquanto isso, o desenvolvimento vai caminhando a passos de tartaruga, os recursos serão finitos.
Queria muito que a terra de Nina Arueira e José do Patrocínio retomasse seu rumo, de cidade importante no cenário nacional, com um projeto de desenvolvimento que seja motivo de orgulho para seu povo.
Estamos cansados de ver o nome da nossa cidade associado a práticas corruptas estampadas quase toda semana nos veículos de comunicação em nível nacional.
Campos merece mais!
Campos é tempo de mudança!
“Muda que quando a gente muda o mundo muda com a gente; A gente muda o mundo na mudança da mente” Gabriel O Pensador

Nenhum comentário: