Profissionais da educação da rede municipal de Campos podem entrar em GREVE por falta de transparência na aplicação do FUNDEB por parte da PMCG

[Profissionais da Educação em manifestação - Fabiano Seixas]


do Blog Dignidade:

Hoje, às 17:00hs na sede do Sindicato Estadual dos Profissionais da Educação (SEPE), localizada no edifício Ninho das Águias, sala 514, 5º andar, centro, será realizada Assembléia da categoria para avaliar e discutir as próximas ações da categoria quanto à mobilização em relação às reivindicações: transparência do FUNDEB, convocação dos concursados de 2008, revisão do PCCS, eleição direta para diretores de escolas.

O lastimável fato ocorrido com dois diretores do SEPE que foram conduzidos ao 134º DP, sob alegação de “desacato à autoridade”, após solicitar ao Conselho Municipal do Fundeb, informações sobre a aplicação do recurso, parece que não agradou em nada grande parte da categoria, que questiona a transparência dos milhões, que estão atualmente sendo mantidos em TOTAL SEGREDO, pelo Conselho do Fundeb e pela PMCG.

Segundo informações obtidas pelo blogueiro após conversa com vários profissionais da educação, será sugerida pela categoria “GREVE” por tempo indeterminado, até que o governo municipal esclareça em detalhes onde e como estão sendo aplicados os milhões, além de discriminar em seus contracheques já no pagamento de novembro, quanto cada funcionário recebe de Fundeb, que a PMCG diz que repassa, mas não consegue detalhar e muito menos esclarecer.


Prefeito, se algo com os milhões do Fundeb, andou e anda errado, chegou a hora de corrigir o erro e dar a César o que é de César. Caso, tudo estiver correto, não há motivos de manter em “segredo” onde e como estão sendo aplicados os milhões do Fundeb.
Não é prefeito Nahim!?

Mande Suledil apresentar as contas e abrir o cofre!

3 comentários:

Splanchnizomai abraçando o pirocão disse...

acredita em contos de fadas?

Anônimo disse...

Gostaria de saber sobre o boato que corre por ai, de que o prefeito depositou 10.000 reais na conta de cada professor para ser pago em 10 parcelas por conta dos atrazados do FUNDEB. Gente de dentro do Santander que está espalhando isso. Tem alguma chance de ser verdade??

Anônimo disse...

ESSE GOVERNO DA (TRANSPARENCIA) PRA ELES; É COMO UMA UNHA ENCRAVADA, QUE ESTÁ EMPERRADA E PRECISA SER EXTRAIDA PARA O BEM DE CAMPOS E DO FUNCIONALIMO ; POIS QUE NADA PODE ANDAR , É SÓ DA MENTIRA E ENGANAÇÃO, É PRECISO CORTAR O CORDÃO UMBILICAL, ( OS IRMÃOS )POIS "ELE SÓ PENSA NELE" QUEM? CHUCKY, CORONEL BOLINHA...E COLOCAR ESSA TURMA DA PREFEITA CASSADA , ( SEM RETORNO) PRA FORA!!