Só Por Hoje - Aceitando a vida

Concentrado no Aterro do Flamengo - Rio de Janeiro

“Algumas coisas temos que aceitar, outras podemos modificar. A sabedoria para perceber a diferença vem com o crescimento no nosso programa espiritual”
Texto Básico, p. 103.

É relativamente fácil aceitar as coisas que gostamos – as coisas de que não gostamos é que são difíceis de aceitar. Mas mudar tudo e a todos para combinar com os nossos gostos não resolveria o problema. Afinal, a idéia de que o mundo é culpado por todos os nossos problemas foi o que nos fez continuar a usar – e esta atitude quase nos matou.
À medida que vamos trabalhando os passos, começamos a nos fazer perguntas difíceis sobre nossa responsabilidade em criar as vidas inaceitáveis que estávamos vivendo. Na maioria dos casos, descobrimos que o que precisava mudar era nossa própria atitude e nossas ações, não as pessoas, os lugares e as coisas a nosso redor.
Em recuperação, oramos pela sabedoria de reconhecer a diferença entre o que pode e não pode ser mudado. Então, uma vez que vemos a verdade da nossa situação, oramos pela boa vontade para nos modificarmos.

Só por hoje: Poder Superior, conceda-me serenidade para conhecer a diferença entre as coisas que podem ser mudadas e as coisas que devo aceitar. Por favor, me ajude a aceitar com gratidão a vida que me foi dada.

Nenhum comentário: