51º CONUNE - UNE discute a necessidade de uma nova lei para o Petróleo

Na discussão surgiu a necessidade de uma nova lei para regulamentar as exploração petrolíferaDesde a descoberta da camada Pré-sal, no final de 2008, o petróleo brasileiro voltou a ser discutido não só pelos estudantes, mas por toda a sociedade.
Na mesa "Em defesa do Petróleo e da Petrobras", que contou com a participação de Fernando Siqueira da Associação dos Engenheiros da Petrobras (AEPET), Neto, representante da Agência Nacional de Petróleo e o presidente da Federação Única dos Petroleiros (FUP), José Antônio de Moraes.

Na discussão surgiu a necessidade de uma nova lei para regulamentar as exploração petrolífera. "Temos que rever a Lei 9.478/97. Ela foi feita em um período de neoliberalismo exacerbado e permitiu que empresas estrangeiras entrassem no Brasil para explorar o petróleo", disse Neto que ressaltou: "A juventude deve se mobilizar, como nos mobilizamos ontem em defesa do nosso petróleo".
Atualmente, o Brasil é o 4º maior produtor de petróleo do mundo, graças a descoberta da camada Pré-Sal. A camada Pré-Sal tem 122 mil quilômetros quadrados de extensão e dá ao Brasil a possibilidade de se tornar o maior produtor de petróleo do mundo.

Nenhum comentário: