Rio Com Vida - Fórum Social Mundial 2008 - VIII

“Estamos do lado da felicidade. E por isso lutamos. Pela felicidade. Pela felicidade de todos e todas, porque não é possível sermos felizes com tanta tristeza e miséria ao nosso redor. Do lado das mulheres violentadas, dos revolucionários incompreendidos, dos operários explorados, das crianças famintas. Estamos do lado da paz entre os povos. Da liberdade religiosa. Do respeito às diferenças. Da Linda pluralidade do mundo.”




Nenhum comentário: