Só por hoje – Um presente a mais.

Pôr-do-Sol visto na Sede Campestre dos Servidores do CEFET Campos
“Vemos isso acontecer, entre nós, todos os dias.
Esta virada milagrosa é a evidência de um despertar espiritual.”

Texto Básico, p. 55.

Nós os observamos quando chegam para sua primeira reunião, derrotados, seus espíritos partidos. É evidente seu sofrimento e, ainda mais aparente, seu desejo de ser ajudado. Recebem uma ficha de boas-vindas e voltam a seus lugares, estremecidos pelo esforço.
Nós os vemos novamente e eles parecem um pouco mais à vontade. Encontraram um padrinho e freqüentam as reuniões todas as noites. Ainda não encontram nosso olhar, mas balançam suas cabeças em sinal de reconhecimento, enquanto partilhamos. Notamos uma centelha de esperança em seus olhos, e eles sorriem sem muita certeza quando os encorajamos a continuar voltando.
Alguns meses mais tarde, eles se ergueram. Aprenderam a fazer contato com os olhos. Estão trabalhando os passos com seus padrinhos e, como resultado, estão se restabelecendo. Nós os ouvimos partilhando nas reuniões. Depois, arrumamos as cadeiras com eles.
Alguns anos mais tarde, estão falando numa oficina de convenção. Eles têm uma personalidade maravilhosa e bem-humorada. Sorriem quando nos vêem, nos abraçam e nos dizem que jamais teriam conseguido sem nós. E entendem quando dizemos: “Também não conseguiríamos sem você.”

Só por hoje: Eu encontrarei alegria ao testemunhar a recuperação do outro.

Nenhum comentário: