Clipping do Urgente:Orientações para o Ato Chega de Palhaçada

Esta é uma manifestação que mantém o espírito de aglutinação dos blogs, respeitando as diferenças e sem dirigismo. Portanto, quanto mais simples ela for, e quanto mais aglutinadora for a sua mensagem, melhor.

Isso não quer dizer que ela não tem um sentido. Há claramente algo que nos une: não somos do grupo do Mocaiber, não somos do grupo do Garotinho, não somos do grupo do Arnaldo. Não somos de nenhum destes grupos que dominam a política em Campos há 20 anos e que tem a mesma raiz. Ou seja: a manifestação é para dar voz àqueles que querem algo novo na política campista.

Estão convidados todos os que se dispuserem a gritar palavras de ordem como:

FORA MOCAIBER
FORA GAROTINHO
FORA ARNALDO
QUERO UM OUTRO CAMINHO

Para evitar que o ato seja manipulado por algum destes grupos mencionados para, numa edição esperta e conveniente, utilizá-lo contra algum adversário, não haverá discurso em microfone.

A sugestão é a de que os manifestantes se reúnam no Largo da Imprensa, às 10h do sábado, 26, vestidos de preto e com nariz de palhaço, e caminhem fazendo apitaço pelo circuito Largo da Imprensa – Calçadão - Santos Dumont - João Pessoa - Barão do Amazonas - Formosa - Lacerda Sobrinho - Largo da Imprensa.

Faixas e cartazes estão a cargo de cada manifestante que se dispuser a levá-los, com as mensagens que sejam compatíveis com o espírito geral do ato. Não há uma organização central e nem recursos. Não há ligação com partidos ou entidades.

Os blogs apenas se colocam como sendo um local alternativo de organização coletiva do ato, assim como tem sido o espaço democrático de troca de impressões sobre a realidade campista.

Vamo que vamo! Ajude a divulgar e até lá!
[Para quem ainda duvida que um evento possa acontecer sem "dono" e sem uma organização rígida pré-estabelecida, sugiro a leitura da nota "Meu primeiro Camp", de Julio Daio Borges, no blog do Digestivo Cultural]

Nenhum comentário: