Terceiro dia: diário de uma Bienal

21/01
Credenciamento na bienal - 7h30min nos acordaram para irmos fazer a credencial no Teatro Vila Velha, quando estávamos saindo descobrimos que o ônibus da Aliança ( uma das empresas de ônibus que nos trouxe) não podia circular na cidade porque não tinha crédito (eles tem uma certa quilometragem limite para poder andar na viagem). Queríamos colocar todo mundo no ônibus da Esperança, mas era impossível, então o motorista do ônibus da Bienal nos ajudou levando a outra parte da galera.
Terra nova para gente. Pisamos no Teatro Vila Velha e lá ficamos até o complicado credenciamento sair. Conhecemos pessoas na fila do credenciamento que nos deram umas dicas para conhecermos os pontos turísticos. Paralelamente, rolavam oficinas, debates, músicas e encontro da galera de diversas partes do Brasil!
Após toda a espera pelo credenciamento, boa parte do pessoal saiu para conhecer os pontos turísticos da cidade.Uns foram as praias,outros foram em outros pontos turísticos.
Mais tardinha o povo estava no alojamento em ritmo de festa fazendo uma batucada

Nenhum comentário: