Só Por Hoje – Pequenas Coisas


No “passado, transformávamos as situações simples em problemas; fazíamos uma tempestade de um copo d água.”


Texto Básico., p. 99

Fazer uma tempestade em um copo d água parece ser nossa especialidade. Você já ouviu falar que, para um adicto, um pneu furado é um acontecimento traumático? E aqueles que esquecem todas as regras de conduta quando confrontados com um mau motorista? E o abridor de latas que não funciona – você sabe, aquele que acabou de jogar pela janela? Podemos nos identificar quando ouvimos outros partilharem: “Deus, dê-me paciência imediatamente!”
Não, não são os maiores contratempo que nos levam à confusão. As grandes coisas – divórcio, morte, doenças graves, a perda de um emprego – nos desequilibram, mas sobrevivemos a elas. Temos aprendido pela experiência que devemos procurar nosso Poder Superior, e os outros, para ultrapassar as maiores crises da vida. São as pequenas coisas, os constantes desafios cotidianos de vier a vida sem usar drogas, que parecem afetar fortemente a maioria dos adictos em recuperação.
Quando as pequenas coisas nos atingem, a Oração da Serenidade pode nos ajudar a vê-las em sua justa medida. Podemos lembrar que “entregar” estes pequenos assuntos aos cuidados de nosso Poder Superior resulta em paz de espírito e uma renovada perspectiva de vida.

Só Por Hoje: Eu vou trabalhar minha paciência. Vou tentar não aumentar a dimensão das coisas e caminhar com meu Poder Superior através do meu dia.

Nenhum comentário: