Empresa é multada em R$ 33 milhões por vazamento no Paraíba do Sul

A Ceca (Comissão Estadual de Controle Ambiental), da Secretaria do Ambiente, acaba de divulgar o valor da multa para a empresa Servatis, sediada em Resende, responsável pelo vazamento do inseticida Endosulfan, no Rio Pirapetinga, afluente do Paraíba do Sul. A empresa terá prazo de 15 dias para pagar de R$ 33 milhões ou entrar com recurso junto à Ceca.
A pluma tóxica tem provocado mortandade de peixes nas cidades por onde passa. Orientados pelos técnicos, estes municípios atingidos têm suspendido temporariamente a captação de água por medida de precaução até que a contaminação se reduza a um nível aceitável. Além disso, os técnicos também alertam para que os peixes mortos não sejam consumidos.

Um comentário:

Anônimo disse...

Não há MULTA que equipare os danos causados por esse vazamento. O crime ambiental leva resultados drásticos para toda população.