Só por hoje – Partilhando o meu verdadeiro eu.

“Partilhando com outros, não nos sentimos isolados e sozinhos”

Texto Básico, p. 92

Intimidade é partilhar nossos mais profundos pensamentos e sentimentos com outro ser humano. Muitos de nós ansiamos pelo calor e a companhia que a intimidade traz, mas estas coisas não vêm sem esforço. Em nossa adicção, aprendemos a nos afastar dos outros para que não ameaçassem nosso uso. Em recuperação, aprendemos como confiar nos outros. Intimidade requer baixar nossas defesas. Para sentir a proximidade que a intimidade traz, devemos permitir que os outros cheguem perto de nós – de nosso verdadeiro eu.
Se vamos partilhar nosso mais profundo interior com os outros, devemos primeiro ter uma idéia de como é realmente nosso mais profundo interior. Regularmente examinamos nossa vida para descobrir quem realmente somos o que realmente queremos e como realmente nos sentimos. Então, com base em nossos próprios e regulares inventários, devemos ser tão completa e coerentemente honestos com nossos amigos quanto podermos.
Intimidade é uma parte d vida, e, portanto, uma parte da vida limpa. Como tudo em recuperação, tem seu preço. O rigoroso auto-exame que a intimidade exige pode ser um trabalho duro.
A honestidade total da intimidade frequentemente traz suas próprias complicações. Mas o fato de libertar-nos do isolamento e da solidão compensa este esforço.

Só Por Hoje: Eu procuro libertar-se do isolamento e da solidão através da intimidade. Hoje, vou conhecer “meu verdadeiro eu”, fazendo o inventário pessoal, eu vou praticar a honestidade completa com outra pessoa.
Tenha confiança e fé naquilo que você acredita!

Nenhum comentário: