Apesar de vocês, amanhã há de ser outro dia!

“Os homens não têm muito respeito pelos outros porque têm pouco até por si próprios.”
[Leon Trotsky]


Infelizmente ficou para uma próxima sessão ainda a ser definida pelo TSE, o julgamento do caso "Arnaldo Vianna", enquanto isso, ficamos todos aguardando a boa vontade dos homens da capa preta de levarem a sério as decisões que envolvem o futuro da nossa cidade. Já está passando da hora de colocar o assunto na pauta e colocar um ponto final desta questão.
O tempo vai passando e fica perceptível a morosidade da Justiça quanto se tratam das questões da nossa cidade.
Nossa cidade não merece este descaso, relegada sempre ao segundo plano, não desmereço as demais cidades. O pleito deste ano tem reflexos diretos nos próximos, quando escolheremos governadores e o presidente da República. Campos têm quase 500 mil habitantes, onde mais da metade são eleitores.
Saímos de nossas casas, escolhemos nossos representantes, depositamos nossos votos nas urnas e queremos logo que o resultado dessa eleição seja homologado.
As eleições em Campos não podem mais ser sinônimo de batalha judicial, um caso para ser estudado e interpretado nas aulas de Direito Eleitoral, Constitucional e aquela linguagem jurídica que não é de fácil interpretação para leigos como este blogueiro.
Quero comemorar um resultado verdadeiro, soltar fogos, ter a certeza de que Campos realmente caminhará em passos largos para o desenvolvimento. Mesmo sabendo que os nomes com maiores chances de levar o pleito, são oriundos da mesma corrente política, com o mesmo modus operandis.

Gostaria que um desses senhores com poder de decisão passassem um dia na Planície Goytacá, conhecessem um pouco da nossa cidade e testemunharem a instabilidade que acompanha esta cidade desde 2004.
Finalizando, vou comer minha pizza preferida hoje, como forma de antecipar este resultado que já está no forno.
"A verdade não desaparece quando é eliminada a opinião dos que divergem. A verdade não mereceria esse nome se morresse quando censurada."
[ Ulysses Guimarães ]

Um comentário:

Anônimo disse...

Concordo com vc campeão!