CEFET Campos promove Curso de Extensão para Educação de Jovens e Adultos


O Centro Federal de Educação Tecnológica de Campos, através da Diretoria de Trabalho e Extensão e da Gerência de Educação de Jovens de Jovens e Adultos, realizará 02 cursos de extensão, objetivando capacitar os profissionais que atuam diretamente no desenvolvimento da Educação de Jovens e Adultos (EJA).

A Inclusão Social e o PROEJA

Carga horária: 1630 h/a .
Período: agosto/dezembro 2008,com aulas as 2ª, 5ª feiras e sábado alternados, das 14 às 18h.

PROEJA: Fundamentos teóricos, metodológicos e legais da Educação Profissional,da Educação Básica e da Educação de Jovens e Adultos
Carga horária: 160 h/a
Período: agosto/setembro 2008.
3ª Feira, 6ª feira e sábados alternados, de 08 as 12 h.

Público Alvo: Servidores da Educação Pública Federal, Estadual e Municipal.
Inscrições: 21 a 25 de Julho de 2008.
Local: CEFET Campos / Diretoria de Trabalho e Extensão.
Informações: (22) 2726-2832 / (22) 2726/2897
Site: http://www.cefetcampos.br/

Entenda um poucos mais sobre o PROEJA:

O que é o Proeja?

O Programa Nacional de Integração da Educação Profissional com a Educação Básica na Modalidade de Educação de Jovens e Adultos – PROEJA abrange cursos que, como o próprio nome diz, proporcionam formação profissional com escolarização para jovens e adultos.
Os cursos oferecidos são:
1- Educação profissional técnica de nível médio com ensino médio, destinado a quem já concluiu o ensino fundamental e ainda não possui o ensino médio e pretende adquirir o título de técnico.
2- Formação inicial e continuada com o ensino médio, destinado a quem já concluiu o ensino fundamental e ainda não possui o ensino médio e pretende adquirir uma formação profissional mais rápida.
3-Formação inicial e continuada com ensino fundamental (5ª a 8ª série ou 6º a 9º ano), para aqueles que já concluíram a primeira fase do ensino fundamental. Dependendo da necessidade regional de formação profissional, são, também, admitidos cursos de formação inicial e continuada com o ensino médio.
Os cursos podem ser oferecidos de forma integrada ou concomitante. A forma integrada é aquela em que o estudante tem matrícula única e o curso possui currículo único, ou seja, a formação profissional e a formação geral são unificadas. Na forma concomitante, o curso é oferecido em instituições distintas, isto é, em uma escola o estudante terá aulas dos componentes da educação profissional e em outra do ensino médio ou do ensino fundamental, conforme o caso. As instituições que optarem pela forma concomitante devem celebrar convênios de intercomplementaridade, visando o planejamento e o desenvolvimento de projetos pedagógicos unificados.
A idade mínima para acessar os cursos do PROEJA é de 18 anos na data da matrícula e não há limite máximo.
A base legal do Programa é o
Decreto no 5.840, de 13 de julho de 2006. Outros atos normativos que fundamentam o PROEJA são: a Lei no 9.394, de 20 de dezembro de 1996, o Decreto no 5.154, de 23 de julho de 2004, os Pareceres CNE/CEB nº 16/99, nº 11/2000 e nº 39/2004 e as Resoluções CNE/CEB nº 04/99 e nº 01/2005.

Fonte: MEC

Nenhum comentário: