Botafogo quer quebrar escrita


Alvinegro vai pra cima do Figueirense, o qual ele nunca venceu em Floripa. Time esbanja confiança
Florianópolis - Com a confiança em alta depois da primeira vitória fora de casa no Brasileiro, o Botafogo encara o Figueirense no Estádio Orlando Scarpelli, às 20h30, em busca de mais um triunfo para confirmar sua escalada na classificação.

O Alvinegro nunca venceu o adversário de hoje em Florianópolis, mas o bom desempenho fora de casa com Ney Franco anima o grupo.

Mais uma vez, o principal trunfo do Botafogo é o bom número de opções à disposição do treinador. Triguinho, Carlos Alberto e Wellington Paulista voltam de suspensão e entram no time. No treino de ontem, Ney Franco não fez nenhuma questão de fazer mistério.

As únicas ausências são o goleiro Castillo e o lateral Alessandro que, lesionados, nem viajaram.

A boa notícia fica por conta das presenças de Renato Silva e André Luís, recuperados de dores na coxa, entre os titulares. “É importante os dois continuarem, pois mexo pouco na equipe.

Essa formação jogou contra o Flamengo e Goiás e foi muito bem. A expectativa é de uma boa perfomance e, também, de uma vitória. Além disso, é bom poder olhar para o banco e saber que posso contar com boas opções, como o Édson, Guerreiro, Zé Carlos, Lucas, Gil”, afirmou Ney.

Enquanto se recupera da lesão na coxa, o goleiro Castillo ficou sabendo ontem que foi convocado pelo técnico Oscar Tabárez para a seleção uruguaia que, no próximo dia 20 de agosto, disputa amistoso contra o Japão.

O atacante Leandro Zárate pode fazer sua estréia na próxima quinta-feira, contra o Atlético-MG, no Engenhão, pela Copa Sul-Americana.

A Ability pagou a primeira parcela pelos direitos federativos do argentino e o Botafogo espera que o documento chegue até amanhã para inscrevê-lo.

Nenhum comentário: