MALHA FERROVIÁRIA PARA O AÇU


A LLX Açu Operações Portuárias S/A, subsidiária da LLX Logística S.A. (BOVESPA: LLXL3, 'LLX'), e a Ferrovia Centro Atlântica S.A ('FCA'), em cumprimento ao disposto no art. 157, §4º da Lei nº 6.404/76 e na Instrução CVM nº 358/02, informam que assinaram, em 11 de agosto de 2008, um acordo comercial que estabelece o compromisso de ambas as partes para a celebração de:

(i) contrato de transporte de longo prazo, que regulará a prestação pela FCA de serviço de transporte ferroviário de cargas da LLX e seus clientes e/ou parceiros comerciais, a partir do ou destinados ao Porto do Açu, através de trecho da FCA existentes na região de Belo Horizonte, além de novo ramal ferroviário a ser construído entre Campos dos Goytacazes (RJ) e Porto do Açu, e

(ii) contratos específicos que regularão a realização dos investimentos necessários à capacitação da via permanente para os respectivos trecho e novo ramal e a aquisição de material rodante, que poderão ser realizados por uma ou ambas as empresas, com finalidade de atender o transporte a ser realizado pela FCA à LLX Açu e seus clientes.

O acordo contribui para a criação de um novo corredor logístico para a importação e exportação, a partir da integração do Porto do Açu com a malha ferroviária da FCA.

O acordo contempla, ainda, volumes anuais que as partes se comprometem a transportar, incluindo a movimentação de diversos produtos, como minerais, carvão, produtos siderúrgicos, carga geral, e granéis líquidos e sólidos, que, após cinco anos do início da integração ferrovia-porto, deverá culminar no transporte de 29 milhões de toneladas anuais ao final deste período.

A etapa de investimentos será precedida por um estudo técnico de engenharia e por uma avaliação econômico-financeira, usual neste tipo de projeto para a conclusão da viabilidade do empreendimento, com expectativa de conclusão no início de 2009.

A implementação do acordo está condicionada à viabilidade técnica, econômica e financeira da implantação do Projeto do Novo Corredor de Importação e Exportação e da viabilidade econômica e financeira da realização dos investimentos, considerando o resultado dos estudos a serem realizados e submetidos à aprovação das partes.

A LLX reitera, por meio deste acordo, o interesse e empenho para viabilizar o desenvolvimento deste novo corredor de importação e exportação, atendendo, dessa forma, às demandas de transporte ferroviário de seus clientes do Complexo Portuário-Industrial de Açu.

Rio de Janeiro, 12 de agosto de 2008.

Ricardo Antunes Carneiro Neto

Diretor Presidente e de Relações com Investidores LLX Logística S.A.

Nenhum comentário: